sexta-feira, 23 de outubro de 2009

"Tô morando, trabalhando, estudando e amando. Esses são os quatro foles da minha vida, no momento, e sobre cada um deles eu teria milhares de páginas a preencher. Sei lá menina, tá tudo tão legal, e um legal tão batalhado, um legal merecido, de costas e pernas doendo, mas coração tranquilo"
Caio F. Abreu

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

porque talvez escrever seja a melhor coisa agora...

as últimas semanas foram maravilhosas graças a ele; eu tenho sido cada dia melhor, graças ao bem enorme que ele me faz; e por ele eu tenho dado o melhor de mim e me propondo a passar por cima do que for necessário.
realmente estou feliz desde que a maior parte das coisas na minha vida tomou um rumo... mas existem coisas que não dá, que não andam, permanecem estáticas e, na maioria das vezes, conseguem piorar... e ta aí algo que me perturba... aquela velha história, numa versãopior do que já foi um dia... é difícil saber lidar com tudo isso, e pior ainda é manter o controle...
eu tenho tentado, me esforçado ao máximo - nem eu acredito! - mas tá difícil!
ainda bem que eu tenho eles....

(e você, tem o que?)

terça-feira, 13 de outubro de 2009

O que fazer quando uma pessoa tenta te fazer acreditar que o problema está em você, quando na verdade, o problema é com ela?

Qual é o ponto que separa a crítica da implicância?

Eu ando me questionando muito sobre isso... e as resposta são decepcionantes.

A parte boa disso tudo? Encontrar pessoas que valem a pena, que lutam ao seu lado, que te protegem quando você não tem mais forças...

É incentivo suficiente para levantar da cama e viver mais um dia...
Mas o que ainda me dá forças pra sorrir é algo muito maior e muito mais elevado.

em
Flor de Maracujá, com pequenas adaptações minhas.
eu já fiz - quase - tudo nessa vida em matéria de maluquisse. já quis muita coisa, e desisti de poucas. já tive uma fase de boa menina; de menina - muito! - má; de fazer o que desse na telha, sem me importar com os outros; já tive uma fase recatada, uma fase bem "dada". já afirmei por muito tempo que relacionamento não era o que eu queria - pelo menos agora -, e talvez essa tenha sido a maior das idiotisses que passou pela minha cabeça... fruto de traumas e questões mal resolvidas - é claro! - defesas, defesas, defesas - puura palhaçada e tempo perdido!
mas chega um momento em que parte das coisas são digeridas, e o que não desce pela garganta é melhor ser cuspido pra fora; junto a isso, surge, como um presente dos céus, alguém capaz de derrubar a última muralha de autodefesa e me fazer voltar a sentir borboletas no estômago.
tô feliz, agradecendo, empolgada e a cada dia mais encantada.
"que seja doce"

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

final de semana começou (muito!) bem... "bom seria se todas as quintas terminassem com a de ontem e as sextas começassem como a de hoje"
irmã chegando na madrugada e eu como boa ansiosa que sou, vou ficar acordada até a hora de buscá-la na rodoviária... o feriado promete, se não muita ação, muitas risadas e amor de irmã.
feliz, encantada, em estado de êxtase.

e como ele não poderia ficar de fora dessa - "Que seja doce" - Caio F. Abreu

adaptando Clarice...

não tenho tempo pra mais nada, ser feliz tem me consumido muito

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Foi só amor? Ou medo de ficar sozinho outra vez?
Cadê aquela outra mulher?
(...) eu vou de vez
Não há porque chorar por um amor que já morreu
Deixa pra lá
Eu vou, adeus
Meu coração já se cansou de falsidade...


(Santa Chuva - Maria Rita)