terça-feira, 13 de outubro de 2009

O que fazer quando uma pessoa tenta te fazer acreditar que o problema está em você, quando na verdade, o problema é com ela?

Qual é o ponto que separa a crítica da implicância?

Eu ando me questionando muito sobre isso... e as resposta são decepcionantes.

A parte boa disso tudo? Encontrar pessoas que valem a pena, que lutam ao seu lado, que te protegem quando você não tem mais forças...

É incentivo suficiente para levantar da cama e viver mais um dia...
Mas o que ainda me dá forças pra sorrir é algo muito maior e muito mais elevado.

em
Flor de Maracujá, com pequenas adaptações minhas.

Nenhum comentário: