quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

"(...) eu queria saber até que ponto você não era apenas uma projeção daquilo que eu sentia (...)"
.
(Caio F. Abreu)
.
.
porque as vezes eu sinto muito medo do que venho sentindo, e esse medo me segura e apaga cada momento junto ao teu lado... faz com que tudo vire pessimismo e escuridão.
a verdade é que faz tempo que não sentia tudo o que tenho sentindo, há tempos não desejei tanto que uma relação desse certo, e não estive decidida a fazer o que fosse possível pra ter uma pessoa ao meu lado de verdade.
e eu falo sério, não é pra fazer com que você se encante com minhas palavras, muito menos pra mostrar o quão viril você é, é a mais pura e doce verdade!
pra uma pessoa que ja passou por tanta coisa, como eu, não é qualquer cara que arranca suspiros e desejos de que "dure pra sempre", não é mais qualquer cara que se torna merecedor de empenhos, sonhos, entrega e mudanças.
talvez seja tudo fruto da minha cabeça que vê o homem ideal pintado em você, talvez seja o que realmente é, e isso faz com que eu fique encantada com a sua cara de bobo quando chega pra me ver e faz ainda com que eu deseje, a cada dia mais, fazer o que for possível pra que continuemos juntos...

Nenhum comentário: