sexta-feira, 18 de abril de 2014

Talvez seja hora de engolir o choro e limpar esse rosto. 

Dói, eu sei, mas não é pra sempre. 

(Caio F. Abreu)

Nenhum comentário: